Matosinhos, Sociedade

Pólo do Mar da Universidade do Porto inaugurado no Porto de Leixões – Matosinhos

Foram inaugurados no dia 30 de Março os primeiros espaços do Pólo do Mar do UPTEC, numa cerimónia que contou com a presença do Presidente do Conselho de Administração da APDL (Administração dos Portos do Douro e Leixões), Eng. Matos Fernandes, do Presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, Dr. Guilherme Pinto, do Reitor da Universidade do Porto, Prof. Doutor José Marques dos Santos, do Presidente da UPTEC, Prof. Doutor Novais Barbosa e do Vice-Reitor para a I&D e Inovação da Universidade do Porto, Prof. Doutor Jorge Gonçalves.

A sessão teve início no Auditório Infante D. Henrique da APDL (junto à marina de recreio do Porto de Leixões, em Leça da Palmeira), seguindo-se uma série de apresentações divididas por três painéis com os temas “O papel do Pólo do Mar na estratégia de desenvolvimento nacional”, “I&D+I, Recursos e Serviços do Pólo do Mar” e “Sinergias do Pólo do Mar – Desenvolvimento económico sustentado”, terminando com a assinatura de protocolo entre a UPTEC e a APDL e com uma visita guiada às novas instalações.

Marcaram, ainda, presença nesta cerimónia o Vice-Presidente da Câmara, Dr. Nuno Oliveira, e a Administradora da Empresa Municipal – Matosinhos Sport, Eng.ª Helena Vaz.

Os 3000 m2 do antigo Edifício da Sanidade do Porto de Leixões (junto à marina de recreio do Molhe Norte, em Leça da Palmeira), passarão a estar dedicados à instalação de empresas start-ups e spin-offs alicerçadas na investigação e inovação produzidas na Universidade do Porto e de empresas que já operam no mercado e que queiram aproveitar possíveis sinergias com as unidades de investigação da maior universidade portuguesa.

Neste novo espaço, a recuperar e reconverter segundo projecto da autoria arquitecto Adalberto Dias, o UPTEC vai providenciar todas as condições necessárias para o desenvolvimento de empresas tecnológicas apostadas em encontrar novos usos económicos para o mar e apoiar a modernização das indústrias tradicionais relacionadas: desde a construção de veículos robóticos subaquáticos até à produção de aquacultura, passando pelo aproveitamento da energia das ondas ou o desenvolvimento de novos sistemas de navegação.

Para além do espaço físico, a nova incubadora do UPTEC disponibiliza às empresas que ali se instalarem um conjunto único de recursos de apoio às actividades de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (laboratórios, oficinas e equipamentos, partilhados com as unidades de investigação da Universidade do Porto) e de serviços comuns de apoio a intervenções técnicas e científicas no mar (várias embarcações, equipamento e formação em mergulho subaquático, entre outros).

No prazo de 10 anos, os responsáveis da Universidade do Porto esperam que o Pólo do Mar da UPTEC possa gerar “cerca de 1.700 postos de trabalho qualificados”.

O local onde vai funcionar a incubadora vai sofrer obras e apenas deverá estar pronto em 2011, o que não invalida que as empresas se comecem a instalar. A incubadora de empresas de base tecnológica, instalada junto ao molhe norte do Porto de Leixões é apenas um dos componentes do Pólo do Mar do UPTEC, que também incluirá, na mesma zona, um espaço para formação em áreas ligadas ao mar.

Na marina de Leixões estará, também, um barco com 17 metros de cumprimento, com capacidade para navegar em alto mar, para apoiar as empresas e os investigadores. No molhe sul, o futuro edifício do Terminal de Cruzeiros vai acolher vários grupos de investigação, o mais importante dos quais é o CIIMAR (Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental), que conta com cerca de 300 investigadores.

O Pólo do Mar incluirá, ainda, um parque de acolhimento empresarial, que será construído em Esposade ou S. Gens, também no concelho de Matosinhos, e uma residência para acolher investigadores que se desloquem ao Porto, que deverá ser construída num terreno junto à Avenida da República, em Matosinhos.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *