Arouca, Cultura

«Os Ourives de Arouca» em exposição

António Almeida, José Eduardo Coelho e João Luís Coelho são três joalheiros arouquenses, e escolheram Arouca como tema para exporem a sua arte. Das mãos destes artistas nascem peças únicas, que aliam a arte de quem as esculpe à nobreza dos materiais que utilizam. De 9 de Março a 3 de Abril, as suas obras estão expostas na Biblioteca Municipal de Arouca.
 

António Almeida
 
Nasceu em Arouca a 12 de Setembro de 1975. Reside em Paço, Rossas. É formado pelo Centro de Formação Profissional da Indústria de Ourivesaria e Relojoaria (CINDOR), sito em Gondomar, onde tirou o curso de Joalharia e Cravação. Actualmente dedica-se em exclusivo à criação de peças da sua autoria, tendo já participado em várias exposições de artesanato. Tem um ateliê próprio em Arouca, na Rua das Comunidades.
 
José Eduardo Coelho
 
Nasceu em Arouca a 5 de Outubro de 1983. Com 17 anos, depois de fazer o 9º ano, ingressou no CINDOR, onde frequentou o Curso de Joalharia e Cravação. Terminado o Curso em 2001, fez o seu estágio numa empresa de joalharia em Rio Tinto, tendo depois começado a trabalhar por conta própria. Participou em diversos concursos a nível regional e nacional, tendo vencido um em Vila Real. Tem exposto os seus trabalhos por diversas ocasiões, destacando-se a participação na Feira das Colheitas em Arouca.
 
João Luís Alves Coelho
 
Nasceu em França a 28 de Outubro de 1976. Entre 1998 e 2000 frequentou o CINDOR, onde fez o Curso Geral de Ourivesaria, com Especialização em cinzelagem e ourivesaria de pratas graúdas. Desde 1997 que se encontra a exercer na área da ourivesaria. Actualmente trabalha por conta própria, como profissional liberal, num ateliê de joalharia e ourivesaria, no Porto, onde executa consertos de peças de ourivesaria e fabrica as suas próprias peças. As suas peças têm sido expostas em várias feiras de artesanato e exposições. Concorreu ao prémio nacional de artesanato – FIL 2005 «Metais», ficando com 3ºlugar. Concorreu ao prémio nacional de artesanato – FIL 2007, ficando classificando entre os melhores nível regional.

Artigo AnteriorPróximo Artigo