Arouca, Espinho, Gondomar, Maia, Matosinhos, Oliveira de Azeméis, Porto, Póvoa de Varzim, S. João da Madeira, Santa Maria da Feira, Santo Tirso, Sociedade, Trofa, Vale de Cambra, Valongo, Vila do Conde, Vila Nova de Gaia

Criatividade e Inovação na Qualific@

Em Fevereiro, de 12 a 15, o destaque estará na Qualific@ – Feira de Educação, Formação, Juventude e Emprego. Este ano, o tema em agenda é “Criatividade e Inovação através da Educação, Formação e Cultura”. A ideia é estimular o desenvolvimento das competências criativas enquanto fonte de novas aptidões. “Pretendemos, acima de tudo, a promoção da criatividade para todos, de forma a incentivar a inovação, social e empresarial, refere Carla Maia, directora da feira, acrescentando que os visitantes poderão participar nas várias oficinas criativas, que estão a ser “desenhadas”, em áreas como a pintura, o design, a ciência, entre outras.  

Num só local, reúnem-se os diversos interlocutores, aproximando, edição após edição, as entidades responsáveis pela educação, formação, emprego e o seu público-alvo. Preenchendo 14 mil metros de área expositiva, os 120 expositores inscritos aguardam 40 mil visitantes, estimados pela organização.   

Constituindo-se como um espaço de informação e sensibilização, para os desafios e oportunidades que se colocam ao nível da educação e da formação, a Qualific@ cria a perfeita harmonia entre a oferta e a procura, recebendo quer o público em geral quer os diversos agentes de educação, de formação e empresariais, contribuindo assim para a superação do duplo défice nacional em termos de qualificação (ao nível da sensibilização e procura de qualificações, por um lado; ao nível da oferta de qualificações ajustadas às necessidades do mercado, por outro). 

O certame conta com o apoio e cooperação de diversas Instituições, que dão consistência ao projecto e introduzem mais valias não só no conteúdo da feira, mas também na sua dimensão e projecção.

O Ministério da Educação, o Instituto de Emprego e Formação Profissional e a Agência Nacional para a Qualificação já responderam à chamada, repetindo a participação. O mesmo acontece com as escolas, de vários graus de ensino, nacionais e estrangeiras, que já estão a preparar demonstrações que realizarão na feia, de forma a cativar e informar os estudantes sobre as potencialidades dos seus cursos. Às instituições e escolas, juntam-se ainda as empresas com os seus produtos, equipamentos e serviços que aproveitam o momento comercial para apresentarem ao mercado as novidades.  

Artigo AnteriorPróximo Artigo