S. João da Madeira, Sociedade

S. João da Madeira no “novo” Praça da Alegria

O programa da RTP “Praça da Alegria” entrevista esta quarta-feira duas professoras de S. João da Madeira. E, na quinta-feira, visita a Universidade Sénior local.

O “Praça da Alegria”, que surge agora com um novo rosto, apresenta todos os dias – ao final da manhã – notícias sobre variados temas da actualidade.

O caminho para o sucesso escolar, a qualidade do ensino actual e a instabilidade profissional dos professores são algumas das questões levantadas, esta quarta-feira, nas duas peças assinadas pela jornalista Salomé Pinto.

Amélia Gaio, 62 anos, professora reformada há um ano, avalia a qualidade da escola de hoje. Com 37 anos de carreira como docente, passou os últimos 27 a leccionar disciplinas da área de Economia na Escola Secundária Oliveira Júnior.

Raquel Silva, 29 anos, concluiu o 12.º ano na Escola Secundária João da Silva Correia, e hoje dá aulas de Físico-Química em Matosinhos. Em entrevista à RTP1, fala da instabilidade profissional e das dificuldades em conseguir colocação.

Envelhecer bem é o tema de quinta-feira. O “Praça” apresenta a Universidade Sénior de S. João da Madeira como um exemplo de sucesso, num trabalho de Hugo Correia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo