Oliveira de Azeméis, Sociedade

Jovens patrulham florestas para evitar incêndios – Oliveira de Azeméis

A floresta do concelho de Oliveira de Azeméis está a ser patrulhada por jovens desde o início do mês de Agosto no âmbito do Programa de Voluntariado Jovem para as Florestas.

O projecto – desenvolvido pelo Instituto Português da Juventude (IPJ) e executado pela autarquia de Oliveira de Azeméis – envolve jovens entre os 18 e os 30 anos e inclui, além da vigilância, acções de limpeza de parques de lazer e actividades de sensibilização direccionadas para a temática dos incêndios.

“O objectivo do programa é contribuir para a diminuição do número de incêndios na área geográfica do município e, em simultâneo, sensibilizar a população para a problemática da floresta e para a preservação do património”, afirmou à EDV Informação Albino Martins, responsável pelo pelouro do Ambiente da autarquia.

“É através destas acções que temos de intervir na floresta, promovendo a sua defesa e prevenindo os incêndios”, referiu.

A autarquia aderiu em 2005, pela primeira vez, ao Programa de Voluntariado Jovem para as Florestas através do gabinete técnico florestal.

“Este ano, a candidatura contemplou, na primeira fase que está a decorrer, seis jovens a que se sucederá, na segunda quinzena de Agosto, a intervenção de um outro grupo de voluntários”, disse Albino Martins.

“São iniciativas importantes que possibilitam a intervenção nas matas minimizando as consequências do seu abandono e da carga combustível que apresentam”, acrescentou.

Ao abrigo da candidatura a Câmara Municipal assegura o vestuário e equipamento dos voluntários para a execução das actividades cabendo ao IPJ o pagamento de uma bolsa diária de 12 euros e seguro de acidentes pessoais.

O Programa Voluntariado Jovem para as Florestas tem como objectivos “o desenvolvimento de acções de preservação da natureza, a redução dos incêndios através da sensibilização das populações, da vigilância e da limpeza das áreas florestais”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo