Economia, Educação, Maia

Maia recebe mais 8 Milhões de Euros do QREN

 
A Câmara Municipal da Maia e a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte (CCDR-N) assinam no próximo Domingo, pelas 19h, na Torre Lidador (CMMaia), os contratos de financiamento, no âmbito do QREN – Programa Operacional Norte (PORNorte), no valor de aproximadamente 8 milhões de euros.
O valor em causa refere-se à construção, requalificação e ampliação de sete escolas do concelho da Maia. Nesta segunda fase, foram aprovadas estas sete candidaturas as quais se juntam às sete candidaturas aprovadas na primeira fase (no valor de pouco mais de 3,5 milhões). No total, no âmbito do QREN e no tocante à educação, a C.M.Maia já conseguiu ultrapassar os 11 milhões de euros de financiamento aprovado (€ 11.666.377,00).
Em todo este investimento avultado, é de salientar o facto de todas estas escolas do Ensino Básico e Jardins de Infância ficarem equipados com Quadros Interactivos, Computadores, Caderno Digital, Polidesportivos, Biblioteca, Videoteca, Laboratórios de Informática, Sala de Expressões para as ciências experimentais e, entre outras valências, “Hortas Pedagógicas – Escola Ambiental”.
No caso especial do Centro Escolar Vermoim/Gueifães desta segunda fase, acrescido do Centro Escolar da Maia, aprovado na 1º fase, o concelho da Maia e em especial o centro urbano, ficam com a oferta já perfeitamente adequada à procura, uma vez que as escolas da Maia são procuradas pela população residente e pela população não residente, fruto da proximidade à Zona Industrial da Maia. Já no caso do Campus do Monte Calvário, este projecto teve a preocupação de juntar duas escolas próximas (Monte Calvário e Barroso), passando uma a ter exclusivamente Jardim-de-infância (Escola do Barroso) e a outra, Escola do Calvário, o 1º Ciclo do Ensino Básico.
Desta forma, o Concelho da Maia fica com os seus problemas, em termos de equipamento escolar, praticamente resolvidos e torna-se um concelho modelo a nível nacional em termos de qualidade do equipamento escolar.

Artigo AnteriorPróximo Artigo