Economia, Oliveira de Azeméis

Governo aprova minutas de contrato para construção de fábrica da Lactogal de 48 ME – Oliveira de Azeméis

O Governo aprovou hoje as minutas do contrato entre o Estado e um conjunto de entidades para a construção de uma fábrica da Lactogal em Oliveira de Azeméis, num investimento total de 48 milhões de euros.

Conforme explica o comunicado do Conselho de Ministros, o projecto de investimento da unidade industrial vai criar 160 postos de trabalho e permite atingir um mínimo anual de vendas de queijo curado de cerca de 8.314 toneladas em 2010 e 2011, uma quantidade que sobe às 8.564 toneladas até 2014.

O contrato vai vigorar até 2014.

A nova unidade, construída de raíz, permite, assim, concentrar as produções de queijo actualmente dispersas por dois centros fabris, em Sanfins e Avis.

O investimento objecto do contrato agora aprovado pelo governo também cria condições para realizar um mínimo anual de vendas de soro em pó de cerca de 4.670 a partir de 2012 e até 2014.

O projecto inclui a construção de uma torre de tratamento e secagem de soro em substituição de duas torres de secagem actualmente em funcionamento em Leça do Balio e Avis, avança o governo.

A Lactogal é uma empresa detida pelas organizações do sector cooperativo leiteiro Agros, Proleite e Lacticoop, com as quais o Estado português vai celebrar o contrato de investimento.

As três organizações concentraram, a partir de 1996, as suas actividades e recursos afectos à comercialização e transformação de leite e lacticínios antes desenvolvidas individualmente.

A Lactogal produz leite e produtos lácteos e trabalha com cerca de 920 milhões de litros de leite, o que representa mais de 66 por cento da produção nacional, esclarece o comunicado do Conselho de Ministros.

Artigo AnteriorPróximo Artigo