Educação, Santo Tirso, Sociedade

Nota de Imprensa – JSD propõe… Câmara ignora – Santo Tirso

  Mais uma vez a JSD de Santo Tirso apresentou, em sede de Assembleia Municipal, no passado dia 30 de Junho, uma proposta, no caso para a criação de Bolsas de Estudo de Mérito Escolar, assim como exigiu a reposição da atribuição das bolsas de estudo a estudantes carenciados inscritos em estabelecimentos de ensino superior.

    Mais uma vez o Sr. Presidente da Câmara desvalorizou a proposta, desvalorizando ao mesmo tempo os milhares de jovens que poderiam vir a auferir desta iniciativa.

    Não deixa, no entanto, de ser estranho o Sr. Presidente ignorar tais propostas, visto estar sempre com queixinhas de que a oposição não apresenta propostas, limitando-se a criticar a sua gestão. Tal não corresponde à verdade, como, aliás, facilmente se comprova pelas sucessivas propostas apresentadas em sede de Assembleia Municipal, sistematicamente rejeitadas ou ignoradas pela Câmara Municipal e pelo Partido Socialista.

    Refira-se que a proposta para criação das Bolsas de Estudo de Mérito Escolar não foi sequer aceite a votação… 

Proposta apresentada em Assembleia Municipal 

Considerando que: 

– Os jovens deverão ser uma aposta inequívoca por parte de qualquer município;

– A aposta na educação é também uma das políticas mais importantes que um executivo municipal pode levar a cabo;

– A cada dia que passa a situação económica das famílias tirsenses se agrava, sendo cada vez mais difícil conseguir sustentar um filho que frequente o ensino superior; 

A bancada do PSD solicita a reposição, já a partir do próximo ano lectivo, da atribuição das bolsas de estudo a estudantes carenciados inscritos em estabelecimentos de ensino superior, salientando que não deixa de ser irónico este executivo socialista ter acabado com a atribuição de novas bolsas, repito, para alunos carenciados, numa altura em que Santo Tirso vive o seu pior momento da história. Lembro que Santo Tirso é o concelho com a maior taxa de desemprego do país, sendo este apenas mais um dos desonrosos dados que quase diariamente vêm a público. 

Mas Sr. Presidente. No que respeita a bolsas de estudo, a nossa proposta vai mais longe. Estando o Sr. Presidente constantemente a queixar-se que a oposição não apresenta propostas, mesmo depois de terem sido apresentadas propostas, por exemplo, para a criação do Conselho Municipal da Juventude ou a proposta que introduziria melhoramentos ao Cartão Jovem Municipal, a bancada do PSD vem aqui apresentar uma proposta para a criação de Bolsas de Mérito Escolar.

Estas bolsas têm como objectivo premiar o mérito e a excelência dos alunos tirsenses que frequentem o ensino superior.

Sugerimos, por exemplo, a atribuição de 4 bolsas anuais no valor de 100,00€ mensais, com os restantes critérios a definir posteriormente. Tal medida custaria aos cofres camarários apenas 4.000,00€ por ano. 
 

A título exemplificativo dos custos da proposta apresentada, “pegue-se” no valor de €44.000,00. Com este valor, a Câmara Municipal de Santo Tirso conseguiria atribuir esta bolsa durante 11 anos, ou seja, 44 bolsas de estudo.

€44.000,00 investidos por um período de 11 anos não pode ser considerado um investimento avultado ou incomportável para os cofres da autarquia.

O Sr. Presidente estará nesta altura a interrogar-se do porquê da escolha dos €44.000,00… Deixe-me elucida-lo. €44.000,00 é o preço de um Volvo S80. Do mais barato desse modelo… É apenas uma questão de prioridades… E a verdade é que o Sr. estabeleceu as suas… 
 

Solicita-se ao Senhor Presidente da Assembleia Municipal que: 

  • Se digne aceitar e sujeitar a discussão a presente proposta.
  • Se digne sujeitar esta proposta a votação desta Assembleia.
  • Se digne enviar esta proposta, no caso de ser aprovada, à Câmara Municipal de Santo Tirso.

 
 
 

Artigo AnteriorPróximo Artigo