Desporto, Matosinhos

4ª Meia Maratona Internacional de Matosinhos

Marisa Barros mostrou o porquê de estar a atravessar um excelente momento de forma e veio a Matosinhos vencer a 4ª Meia Maratona Internacional de Matosinhos depois de ter recuperado nos últimos dez quilómetros da desvantagem que tinha em relação às duas atletas quenianas que seguiam na frente.

Sem dúvida um excelente indicador para o seleccionador nacional José Barros, que havia colocado a Meia de Matosinhos como prova de observação para três atletas com aspirações olímpicas: Marisa Barros, Leonor Carneiro (foi quarta a mais de 2 minutos de Marisa Barros) e Helder Ornelas.

No final Marisa Barros não escondia o contentamento, nem o nervosismo: «Ainda tenho de aprender a controlar a ansiedade pois estava muito tensa mas depois tudo acabou por correr bem» – explicou a atleta da Açoreana Seguros que teoricamente ganha vantagem sobre Leonor Carneiro na “corrida para a maratona dos Jogos de Pequim”.

Na prova masculina o domínio dos atletas quenianos haveria de se revelar inquestionável com David Kilel a fazer valer as suas credencias e a ganhar com uma vantagem de 1m59s em relação ao segundo classificado, o seu compatriota Alphonse Yatich.

Os dois andaram na frente da corrida, lado a lado, fazendo uma dupla que se acabaria por desfazer à passagem dos 12 km, já Kilel levava uma vantagem segura. Entretanto lá mais para trás, Licínio Pimentel e Helder Ornelas ainda correram lado a lado durante vários quilómetros, mas na segunda metade da corrida Ornelas destacou-se acabando na terceira posição com 1h06m15s, uma marca prejudicada pelas condições atmosféricas adversas que se fizeram sentir com muito calor e algum vento.

Para Helder Ornelas este foi um teste positivo: «A Federação quis que eu corresse esta prova e penso que foi um teste positivo, mas estou certo que dentro de dois meses estarei muito melhor» – explicou o maratonista português.

O Presidente da Câmara, Dr. Guilherme Pinto, presidiu à cerimónia protocolar do pódio, entregando os prémios aos vencedores das provas.

Destaque, ainda, para as centenas de participantes na “prova rainha”, bem como na mini maratona e na caminhada de 4,5 km.

Artigo AnteriorPróximo Artigo