Arouca, Sociedade, Turismo

“Geoparque Arouca” recebe registo de marca

O projecto “Geoparque Arouca” é umas das três marcas que o município acaba de ver registadas, anunciou no passado dia 29 na fonte da autarquia.

“O registo já é oficial, tal como as marcas “Arouca, Capital do Pedestrianismo” e “Arouca, capital do Desporto Aventura”“, disse o presidente da Câmara Municipal, José Artur Neves.

O autarca sublinhou que “estes três registos são propriedade do município, que agora vai explorá-los de forma integrada”.

O “Geoparque”, que tem por base as trilobites da “pedreira do Valério”, únicas no mundo, aguarda integração na Rede Europeia de Geoparques, estrutura que tem validação da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

A ideia do projecto, que visa promover o desenvolvimento regional, é integrar o potencial científico, didáctico e turístico do património geológico local.

“A aposta na nossa oferta patrimonial e turística é para continuar, estamos convictos de que ainda temos muito para fazer, mas os resultados começam a aparecer”, afirmou José Artur Neves.

No último fim-de-semana, a autarquia inaugurou um novo percurso pedestre, precisamente na freguesia de Canelas onde está localizado o Centro de Interpretação Geológica – a base do “Geoparque Arouca” – a funcionar desde Julho de 2006.

“O percurso “Rota do Xisto” é mais um exemplo das nossas potencialidades ao nível do pedestrianismo, que está em voga e tem trazido milhares de visitantes ao concelho”, referiu José Artur Neves, sublinhando que “no passeio inaugural participaram 600 caminheiros, a maior parte deles vindos de outras localidades”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo