Economia, Educação, S. João da Madeira

“Escola Empreendedora” vai distinguir ideias de negócio de alunos do secundário – S. João da Madeira

Incentivar os estudantes do ensino secundário a elaborarem um mini-plano de negócios centrado na criatividade, na inovação e nas áreas de actividade estratégicas para S. João da Madeira é o objectivo do concurso de ideias “Escola Empreendedora”, cujo prazo de candidaturas decorre até ao dia 16 de Maio.

Lançado pela Câmara Municipal de S. João da Madeira, o concurso decorre do projecto “Empreender não é secundário”, que, envolvendo a autarquia e a empresa GesEntrepreneur, se propõe criar no concelho um “ecossistema potenciador do Empreendedorismo e da competitividade”. Nesse sentido, em Novembro de 2007 arrancou em diversos estabelecimentos de ensino públicos e privados de S. João da Madeira uma formação específica para cerca de 30 docentes que, desde Janeiro deste ano, vêm ministrando aulas de Empreendedorismo a 700 alunos de vário níveis de escolaridade.

As normas de participação no concurso de ideias agora lançado pela autarquia podem ser consultadas no site da Câmara Municipal, em www.cm-sjm.pt, ou requisitadas directamente na Divisão de Educação. As ideias submetidas a concurso serão depois analisadas por um júri que, por ordem decrescente de importância, irá considerar o valor da candidatura de acordo com os seguintes critérios: grau de inovação da ideia; exequibilidade; impacto económico, social e ambiental nos sectores de actividade visados; planeamento e estruturação da ideia; e interesse local da proposta.

Cada candidatura deverá ser apresentada por equipas com um máximo de quatro elementos, sendo que para as três melhores haverá prémios em material multimédia, no valor de 500 euros para o primeiro classificado, 300 para o segundo e 200 para o terceiro.

Artigo AnteriorPróximo Artigo